problem loading posts

¡Adiós, Vieira!

Vem?

Eu sei que as pessoas vêm e vão com a mesma intensidade que o mar quebra as ondas na beira da praia. E isso assusta. Eu sei que o teu coração já se entristeceu e os teus vazios ainda te incomodam. E isso machuca. Eu sei do quanto de amor que guardas no peito e o quanto disso poderíamos tirar proveito. E isso me anima. Eu sei que o caminho até a minha casa é longe e que a estrada para a minha vida também não é das mais fáceis. E isso é o que peço: vem?

– Alan Vieira

Pra mim tu és luz. És verdade. És certeza e caminho. És par de asas, e também aeroporto. És segurança. És harmonia e felicidade. És espelho. E eu sou o que sou porque sou também o que és.

Alan Vieira